Quando devo levar meu filho ao dentista pela primeira vez? | Cenpreorto

Quando devo levar meu filho ao dentista pela primeira vez?

Eu responderia a pergunta com outra: Quando foi a primeira vez que você se preocupou com a saúde de seu filho?

É muito comum nós separarmos a saúde bucal da saúde geral. A odontologia durante muito tempo se preocupou de uma forma predominante com os dentes e suas cárie. A minha geração somente ia ao dentista quando criança se a dor de dente era insuportável e, se o motivo eram dentes de leite, na maioria das vezes, eram extraídos. Mesmos os dentes permanentes eram condenados a serem removidos muito cedo dependendo do estado em que se encontravam. Não se falava em saúde bucal. Dentista era sinônimo de cárie e dor.

Na década de 80, aqui no Brasil, os conhecimentos científicos sobre a prevenção da cárie e das doenças na gengiva começam a chegar e a se desenvolver de forma mais rápida mudando muitos conceitos e atitudes. Medidas como a presença do flúor na água de abastecimento público e o controle da quantidade obrigatória nos cremes dentais ampliam as atitudes preventivas para a população que tem acesso a estes serviços e produtos. As faculdades de odontologia começam a aplicar mais o conceito de prevenção na formação dos cirurgiões-dentistas.

Desta forma, conhecemos muito mais sobre como as doenças que podem afetar a boca se desenvolvem e como podemos evitá-las. Também sabemos que qualquer alteração na saúde da boca se relaciona com toda saúde geral de forma importante e durante todas as fases da vida.

Então, se você se preocupa com a saúde de seu filho desde a concepção, você deve se preocupar também com a saúde bucal, buscando informações e conhecimentos sobre tudo que você pode fazer e/ou mudar em seus hábitos que possam afetar seu bebê.

Consulte seu dentista de confiança assim que souber de sua gravidez. Ele hoje têm condições de orientar as melhores atitudes na gestação, ao nascimento, no período da amamentação e na introdução dos alimentos sólidos bem como para toda vida, para que seu filho tenha um desenvolvimento bucal saudável.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *